quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

O meu Tiramissù

Durante anos sempre que servíamos este doce o seu nome era alvo das mais diversas brincadeiras, é realmente original e muito sugestivo. Em Itália existe uma pequena mas salutar "guerra" sobre a sua origem, confesso que o que importa mesmo foi a sua divina criação, pois foi um acto inspirado e o resultado é deveras maravilhoso. Dizem que esta é a sobremesa preferida do actual Papa Bento XVI. Para mim foi à já muitos uma descoberta mágica, perfeita em toda a sua degustação. à mesma juntei um pouco da minha imaginação, acrescentando alguns pormenores que dão à receita um toque especial. Aqui vos deixo a minha versão.


 Ingredientes:
500gr de Queijo Mascarpone
4 Ovos 
100gr de Açúcar fino
2 Canecas de Cafés expresso
2 Pacotes de Biscoitos de Champanhe
1 Copo de Licor (Conhaque, Rum, Brandy, Vinho Marsala, ou mesmo um bom Whisky)
Raspa de 1 Laranja
1 Colher de essência de baunilha
QB de Cacau em pó
Qb de raspas de Chocolate Negro


Preparação:
Separe os Ovos.
Coloque as gemas numa taça com o açúcar, o mascarpone, a baunilha e a raspa de laranja e bata delicadamente com uma vara de arames até obter um creme homogéneo, reserve. Noutra taça coloque as claras e bata em castelo firme, junte ao preparado anterior e envolva delicadamente. 
Prepare os cafés colocando-os numa taça, juntando um pouco de açúcar e o licor à sua escolha.
Prepare uma travessa funda de servir, polvilhe o seu fundo com cacau em pó, em seguida molhe os biscoitos e disponha-os numa camada sobre o cacau, verta metade do preparado e espalhe por cima dos biscoitos. Polvilhe novamente com cacau, molhe os biscoitos e disponha-os em sentido contrário ao anterior (fica original na hora de servir), cubra com o restante creme e leve ao frigorífico durante pelo menos 12h. Na hora de servir polvilhe com raspas finas de chocolate negro.



Questa ricetta è un paradiso!!!
Questi sapori e colori sono perfetti!!!

Il mio desiderio è che tu sia felice!!!

Cozinha dos Neves

Sem comentários:

Enviar um comentário